quinta-feira, 7 de agosto de 2014

VIDA/FEILICIDADE

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                            A vida é um eterno aprendizado, dizem que nascemos para sermos felizes, mas na minha opinião é mentira. Nascemos para amar.
Quando nascemos já nascemos chorando, mas em seguida começamos a sorrir. Caímos e levantamos, engatinhamos, caminhamos, e depois já estamos correndo. Mas tem uma coisa que já nascemos sabendo que é amar.
Apesar de nascermos chorando já nascemos amando nossa mãe, aí começamos a amar o pai, os irmãos, e assim vai seguindo a vida.
Ao longo da vida temos nossas alegrias, e nossas decepções, temos que conviver com a perda de pessoas amadas, e a conquistas de novos amores.
Se nascemos para sermos felizes porque o que mais fica marcado em nossa vida é o sofrimento. Acho que é para não repetirmos os mesmos erros. Mas mesmo assim repetimos porque só quem ama, é feliz e sofre ao mesmo tempo.
E se a vida fosse feita só de alegrias que graça teria. Não correr atrás de objetivos, de sonhos, de conquistas. E nessa corrida da vida temos nossos momentos felizes, e momentos de tristezas.
Machucamos e somos machucados, perdoamos e somos perdoados, e geralmente as pessoas que magoamos são as que estão mais próximas de nós, que se importam realmente com nós.
Ao longo da vida algumas pessoas se tornam amargas, de coração de pedra, talvez por não conseguir deixar alguma desilusão para trás. Mas bem lá no fundo a essência do amor não foi perdida.
Dizem que repetir o erro é burrice eu acho que não.
Porque vamos nos apaixonar de novo, vamos continuar correndo atrás dos sonhos, e vamos nos desiludir de novo, a vida toda é assim. E se eu parar de acreditar nas pessoas, e nas coisas, eu parei de acreditar em mim mesmo e a vida perde o sentido, porque aí não teria motivo para estar vivo sem confiança em mim e nos outros. todos nós temos várias chances só temos que ter a percepção do momento, e colocar amor em tudo que fizermos.
Nascemos do amor, o amor já vem com dentro de nós. E felicidade temos momentos, ninguém é feliz o tempo todo, temos várias preocupações durante o dia. Mas eu tenho certeza se temos amor pelo o que fizemos e pelas pessoas teremos muitos momentos de felicidade.
Então amemos uns aos outros, cada com seus defeitos e qualidades. Cada um com suas frustrações e suas alegrias, respeitando as diferenças de cada um.
E aprendendo a lidar dia a dia com nossos momentos de felicidades, de frustrações, correndo atrás de nossos sonhos com amor, e sabendo que nada é por acaso, estamos aqui para aprender a sermos melhores, para evoluir. Que o amor contagie a todos para que os momentos felizes não passem despercebidos.

Um comentário:

  1. Palavras de um coração grato, sincero e vivido... Deus te abençoe meu amigo

    ResponderExcluir